A Qualidade Total tem como principal premissa que o sucesso de uma organização decorre do nível de qualidade que ela oferece ao cliente, integrando a produção e todos os processos que a suportam aos procedimentos de qualidade. No artigo de hoje vamos ver o que é a Qualidade Total e como ela se relaciona com a gestão da melhoria contínua.

No artigo desta semana, vamos falar sobre o KAIZEN, uma filosofia japonesa voltada para a melhoria contínua em todas as dimensões da vida das pessoas, seja no aspeto familiar, social, pessoal ou profissional. “Hoje melhor do que ontem, amanhã melhor do que hoje”

Uma das grandes vantagens do PowerApps são os seus múltiplos conectores pré-definidos, que lhe permitem ir buscar os dados da sua empresa, onde quer que eles estejam. Numa questão de poucos minutos, e sem grandes conhecimentos técnicos, é possível ligar o PowerApps a uma base de dados, e manter as suas aplicações sempre sincronizadas. Onde quer que esteja, e de forma totalmente automática.

Kanban é uma palavra de origem japonesa e significa cartão ou sinalização. Quando aplicado em gestão, o conceito é Cartão de sinalização. É também conhecido como Gestão Visual. No artigo de hoje, vamos ver como surgiu e como se utiliza esta metodologia tão simples e prática.

A metodologia Lean é algo que está em voga e que toda a gente fala. Os gestores têm particular interesse nela e acompanham toda a sua implementação, mesmo os processos necessários para a mesma acontecer. Utilizar a metodologia Lean é um exercício Agile, e este artigo vem no seguimento dos que tenho estado a fazer relativos ao tema. Vamos então ver o que é a metodologia Lean.

Uma das questões mais recorrentes no desenvolvimento de soluções de tecnologia de BI é a de permitir a comparação de valores reais com os valores orçamentados. O orçamento continua a ser uma peça essencial à gestão financeira das empresas porque permite disciplinar as ações da gestão orientando-as para os objetivos e, através da análise de desvios, ajudar a compreender como as consequências das ações da gestão resultaram abaixo ou acima do previsto durante a fase de planeamento – e assim agir novamente em ciclo reforçando as ações com desvios favoráveis e corrigindo aquelas que resultaram negativamente.