19 janeiro 2015
# Tags
Follow Us

Como ter uma ideia de negócio tecnológica inovadora?

Formação Power BI

Outubro 2021
  • Live streaming
  • Lisboa
  • Porto
02 February, 2021

A ideia é a semente do empreendedorismo. Os empreendedores precisam de ideias de negócio tecnológicas para criar empresas de tecnologia. Porém, nem sempre é fácil ter ideias e sem elas é impossível avançar. A questão fundamental que se coloca é: como pensar e ter uma ideia de negócio tecnológica inovadora? Se esta questão o importuna, conheça três estratégias eficazes que o levam a uma ideia tecnológica original e criativa, suscetível de ser traduzida num negócio lucrativo.

O que são ideias de negócio tecnológicas?

As ideias de negócio tecnológicas são aquelas que têm por base o conhecimento técnico, matemático e científico, e aplicam-se em diferentes campos de estudo, como por exemplo:

  • nas tecnologias da informação;
  • nas tecnologias militares;
  • nas tecnologias medicinais;
  • nas tecnologias digitais;
  • e nas ciências aplicadas.

Não é perentório que o empreendedor domine totalmente o mundo tecnológico. No entanto, ele deve ter alguma sensibilidade tecnológica para a proposta de novas soluções, ou seja, a proposta de ideias inovadoras de base tecnológica.

Vale a pena pensar em ideias de negócio tecnológicas? 

Vale muito a pena. Basta pensar que as empresas mais ricas do mundo são aquelas que partiram de ideias de negócio tecnológicas, tais como, a Apple, Google, Microsoft, General Eletric, Samsung e Toyota. Em Portugal, as empresas mais ricas são também aquelas que partiram de uma ideia tecnológica, como a Meo, Worten e NOS. Para ser uma Apple, há um longo caminho a percorrer, mas com a ideia certa pode tornar-se um gigante tecnológico como qualquer uma destas empresas. 

As ideias de negócio tecnológicas têm a vantagem de apresentar um enorme potencial de crescimento, embora a inovação seja a sua principal barreira. De facto, considerando a velocidade galopante a que o mundo tecnológico avança, ter uma ideia de negócio tecnológica que não seja inovadora é um desperdício de tempo.

Então, o que preciso para ter uma ideia tecnológica inovadora? 

Existem diferentes formas de ter uma ideia tecnológica inovadora. Para tal, reúna os seguintes ingredientes:

  • motivação e coragem;
  • criatividade e originalidade;
  • paciência e persistência;
  • um dia a dia problemático.

Estas características são fontes de inspiração para pensar numa ideia de negócio, pois só um empreendedor com motivação e coragem pensa e dita ideias tolas que podem ser traduzidas em negócios milionários. Leonardo da Vinci foi considerado louco quando projetou uma máquina para voar e hoje em dia todos nós reconhecemos a importância do transporte aéreo.

Um empreendedor com criatividade e originalidade posiciona o seu pensamento na diferenciação, produzindo ideias que se distinguem de todas as outras, fomentando a inovação. Ao ter uma ideia inovadora, o empreendedor deve ser paciente e persistente para avançar, testar, falhar e aprimorar a sua ideia até que esta faça sentido.

Um dia a dia problemático é um dos principais estimuladores do pensamento criativo. Quantos mais problemas enfrentar no seu dia a dia, mais questões, respostas e ideias terá e, seguramente, algumas delas são potenciais ideias tecnológicas.

Posto isto, como ter uma ideia tecnológica inovadora?

Agora que sabe quais os ingredientes indispensáveis para ter uma ideia de negócio, vamos prepará-los segundo três estratégias práticas. 

Estratégia 1: O pentágono das associações forçadas

Permite forçar uma associação entre diferentes áreas e, como resultado, obtém-se dez potenciais ideias. Desenhe um pentágono numa folha, numere cada um dos vértices de 1 a 5, una todos os vértices do pentágono e identifique cada ligação com as siglas IT (Ideia Tecnológica), sucedida dos algarismos correspondentes aos vértices que uniu. Por exemplo, IT12 liga o vértice 1 ao vértice 2.

Depois, pense em cinco diferentes áreas e distribua cada uma delas pelos números de 1 a 5. Sugere-se que escreva as primeiras áreas que pensar. Por exemplo: 

esquema1

Para cada uma das ligações, force a criação de um produto ou serviço tecnológico que relacione as áreas conectadas.

Por exemplo, ao forçar a associação IT12, ou seja, a Saúde e a Enologia, pode surgir a ideia de "criar um vinho terapêutico". Se você é ou conhece alguém diabético, provavelmente sabe que o álcool afeta a diabetes. Assim, você entende o impacto que esta ideia teria na sua vida, na vida do seu conhecido e na vida dos milhões de diabéticos por todo o mundo.

Mecanize este raciocínio e divirta-se a gerar dezenas de ideias de negócios inovadoras.

Estratégia 2: Os pares improváveis

Permite gerar ideias partindo de dois objetos que aparentemente nada têm em comum. Inovar é pensar em algo que mais ninguém pensou. Por isso, arrisque dois objetos e tente conciliá-los sem ter medo de parecer tolo.

Numa folha em branco escreva o nome de dois objetos e pense nas suas características e diferenças. Por exemplo:

  • tablet;
  • folha de papel.

O tablet e a folha de papel nada têm em comum, porém, se pensar nas suas características e diferenças, talvez consiga alguma ideia. Pense em tudo o que pode fazer com um tablet e que não pode fazer com uma folha de papel e vice versa.

Exemplos:
  • clicar no canto da folha de papel e esta apresentar algo escrito;
  • escrever no tablet com uma esferográfica e amachucar o tablet, fazendo uma bola amassada;
  • jogar Candy&Crush na folha de papel;
  • dobrar o tablet em quatro e colocá-lo na carteira (Bingo!).

Esta associação de pares improváveis fez pensar num produto tecnológico único, original e inovador: um tablet que se dobra em quatro e poupa espaço na carteira, tal como uma folha de papel. Atualmente, não existe um tablet que se dobre em quatro, mas como pode assistir neste vídeo, existe já um tablet que se dobra em dois.

Pratique este exercício com objetos à sua escolha e divirta-se com a sua própria imaginação.

Estratégia 3 – Os problemas do dia a dia

Pense em problemas e situações constrangedoras do dia a dia. Para cada uma delas, pense em soluções tecnológicas para as resolver.

Exemplos de problemas:
  1. discuções com o parceiro, devido à roupa espalhada pela casa;
  2. discução com o patrão, devido aos atrasos no trânsito.
Exemplos de soluções tecnológicas:

a) Assim como existe um robô aspirador, porque não existe um robô que procura a roupa espalhada pela casa e a coloca no cesto de roupa da lavandaria?

b) Se não consegue chegar a horas ao trabalho devido aos engarrafamentos do trânsito, não fará sentido criar uma aplicação para o seu smartphone que lhe diga qual o momento exato em que deve sair de casa, evitando engarrafamentos e atrasos? E se essa aplicação antecipasse a hora de despertar?

Em suma, o Homem pensa, as ideias surgem e a tecnologia evolui ao serviço da humanidade.

  1. Comentários (0)

  2. Faça o seu comentário
Ainda não existem comentários a este artigo

Deixe os seus comentários

  1. A comentar como convidado. Registe-se ou faça login para aceder à sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Share Your Location

Assine a nossa newsletter e receba o nosso conteúdo diretamente no seu email