Neste artigo vou demonstrar uma funcionalidade de segmentação, também conhecida como “clustering”, recorrendo ao Power BI Desktop. Esta é uma solução de segmentação bastante simples de colocar em prática e que tem um potencial de marketing muito interessante, desde a conceção de produtos à medida das necessidades de cada segmento de clientes até à otimização de campanhas publicitárias, o clustering permite diferenciar grupos homogéneos de clientes.

Hoje vou falar sobre como a transformação digital e as aplicações à medida estão interligadas e promovem o sucesso das empresas. Não é um artigo técnico. Vou falar um pouco sobre a transformação digital, o seu significado geral e como as empresas estão a aderir. Vou igualmente falar sobre as aplicações móveis criadas à medida dos negócios, e a forma como esta ferramenta é um melhor aliado de uma empresa para atingir o sucesso.

Ter uma ideia na cabeça e achar que se alcançará facilmente o sucesso é bom, mas não é o que se passa na realidade. Antes de começar a pensar em fazer um Plano de Negócios deve conseguir responder a algumas questões importantes.

A previsão de vendas é um tema que mistura arte com ciência, ou dito de outra forma, equilibra-se, de um lado, com a arte da “adivinhação” e, do outro, com a ciência da análise de dados. Tudo isto agregado a um outro fator: a confiança de que as previsões se vão tornar realidade. O conceito que queremos abordar é, naturalmente, o “científico”, mas não podemos esquecer, no entanto, que «prognósticos só no fim do jogo».
Os softwares de gestão que, normalmente, são usados pelas empresas, incluem vários tipos de ferramentas, que ajudam no processo de tomada de decisão com base em dados. No entanto, para aquelas empresas que não têm esses recursos, o Excel pode ser uma solução de baixo custo e fácil utilização.

Todos nós já ouvimos a expressão «o que é medido é gerido». Medir é importante, mas medir sem um objetivo, normalmente, não tem qualquer impacto na gestão.

São os objetivos que nos permitem tomar as ações para melhorar e por isso é importante sabermos onde estamos e a que distância estamos deles.
Neste sentido, vamos apresentar 4 gráficos que podemos construir para o motivar e/ou à sua equipa a alcançar os objetivos traçados.

Esta é a pergunta para 1 milhão de euros. Muitas empresas, por todo o mundo, estão a utilizar o Power BI nas suas actividades operacionais e de decisão, e as que não estão vão ser obrigadas a fazê-lo. E porquê? Porque a informação de apoio à decisão é agora gerada e gerida em tempo real, a sua aplicação é funcional e simples e vários utilizadores podem servir-se deste recurso, que antes era apenas acessível a pessoas com conhecimentos técnicos nas tecnologias de informação, para melhorar o seu desempenho. Quem for capaz de perceber o impacto que o Power BI está a causar na exploração, criação e análise de dados e estiver preparado para o dominar irá estar mais capacitado para receber as “ondas de choque” deste novo modelo de gestão.

A sua empresa encomenda mercadoria que tem de manter em stock. O dilema que terá de enfrentar é o de encomendar de mais e suportar o investimento em necessidades de fundo de maneio ou encomendar de menos e perder vendas. Mas, se tiver a oportunidade de fazer uma pequena encomenda e testar o produto nas duas ou três primeiras semanas, verá que é possível prever com precisão o total das vendas desse produto e evitar este dilema clássico.

Para a maioria das empresas, conceber uma previsão de vendas eficaz, capaz de estimar com rigor o impacto de diversas variáveis nos resultados, oferece inúmeras vantagens, das quais provavelmente a mais importante será permitir planear as ações da gestão com o conhecimento certeiro do seu efeito nos resultados. Vamos ver como uma loja online pode estimar as suas vendas em função do tráfego do seu website, da sazonalidade, dos preços de venda e de um fator de inovação dos seus produtos. Os dados são recolhidos do Google Analytics e do software de gestão da empresa com as devidas alterações para proteger a empresa.

Partindo da análise dos dados de um sistema de faturação, vamos ver como é possível prever com rigor que produtos têm mais probabilidade de serem vendidos em conjunto. Esta informação é muito útil para compreender os hábitos dos consumidores a partir do seu histórico de compras e desenvolver ações de marketing que ajudem a aumentar as vendas de produtos complementares ou para ajudar a prever o que irá o consumidor comprar a seguir. 

Uma das ferramentas gráficas de análise do Excel que continua a não ser totalmente compreendida, e que por isso é largamente ignorada, são os gráficos do tipo “Boxplot”. Estes gráficos permitem fazer uma análise estatística rápida de um conjunto de dados e mostrar novas perspetivas sobre a informação, até aqui praticamente desconhecidas.