sábado, 15 outubro 2011 20:05

Bruce Henderson: o criador da matriz BCG

Escrito por 

Pouco se sabe sobre Bruce Henderson, mesmo sendo um guru da gestão que desempenhou um papel tão importante na administração estratégica, criando a matriz BCG.

Bruce Henderson nasceu em 1915 e faleceu em 1992. Formou-se em Engenharia pela Vanderbilt University antes de ir para Harvard Business School. Deixou a Harvard para trabalhar na Westinghouse Corporation, tornando-se um dos presidentes mais jovens de uma empresa na época.

Saiu da Westinghouse para trabalhar como consultor da Arthur D. Little e fundou a Boston Consulting Group no ano de 1963. Ficou muito famoso por trabalhar na área do planeamento estratégico na General Eletric, além de desenvolver a matriz BCG.

Outro modelo empresarial muito conhecido e também de sua autoria foi a curva da experiência, onde mostra que os custos da empresa diminuem à medida que se adquire mais experiência.

Ideias de Bruce Henderson

Bruce Henderson é mais conhecido pela criação da matriz BCG, desenvolvida em 1970 para a Boston Consulting Group (eis o motivo da abreviação da matriz terem suas iniciais). Esta matriz é responsável por avaliar o portefólio de produtos de uma empresa através de seu ciclo de vida, possibilitando diversas ações de marketing e planeamento estratégico.

Segundo sua teoria da BCG, cada produto de uma empresa deve ter uma atenção e estratégia especial a fim de obter uma maior vantagem competitiva. Assim, Bruce Henderson divide os produtos em quatro categorias:

  • Ponto de interrogação: pode também ser chamado de "em questionamento" ou "criança-problemática". O produto que está nesta categoria exige um investimento alto e tem baixo retorno e participação de mercado. Deve ser trabalhado para não tornar-se um "abacaxi", mas ainda há chances de tornar-se uma "estrela".
  • Estrela: é um produto que exige um grande investimento, mas gera um crescimento muito grande e se não for muito bem cuidado pode tornar-se uma "vaca leiteira".
  • Vaca leiteira: são produtos com baixo crescimento, mas que garantem muito lucro à empresa, pois possuem vendas constantes e não necessitam mais de tanto investimento porque já estão em uma fase estabilizada.
  • Abacaxi: alguns chamam esta categoria de "animal de estimação", "cachorro" ou "vira-lata", mas independente de sua denominação, esta categoria de produtos deve ser evitada em uma empresa, pois os "abacaxis" representam produtos de pouco lucro para a organização ou que estão em declínio. Eles devem ser tratados de forma a melhorar este quadro e mudar de categoria ou devem ser abandonados caso não apresentem chances de melhoria para não prejudicar muito a empresa.

Esta é o grande modelo empresarial de Bruce Henderson, que fez com que o consultor ficasse muito famoso no mundo da administração e dos negócios. 

Apesar da matriz BCG ser a sua ideia mais conhecida, Bruce Henderson também desenvolveu a análise gráfica "The Experience Curve" chamada de curva da experiência.

Através dessa análise, Bruce afirmou que quanto mais vezes uma tarefa for executada, menores serão os seus custos, visto que a experiência possibilita melhorias nos processos. Isso vale para qualquer departamento como marketing, administração, produção, distribuição, etc.

Frases de Bruce Henderson

A frase mais conhecida de Bruce Henderson está relacionada à sua grande criação, ou seja, à matriz BCG:

Para ter sucesso, uma empresa precisa ter um portfólio de produtos com diferentes taxas de crescimento e diferentes participações no mercado. A composição deste portfólio é uma função do equilíbrio entre fluxos de caixa. Produtos de alto crescimento exigem injeções de dinheiro para crescer. Produtos de baixo crescimento devem gerar excesso de caixa. Ambos são necessários simultaneamente.
Jeniffer Elaina

Jeniffer Elaina é formada em Marketing e com pós-graduação em Administração de Empresas na FGV Bauru. Trabalha como Editora Web. Sua maior paixão é poder aproveitar as novas tecnologias para aprender e compartilhar o seu conhecimento.

  1. Comentários (0)

  2. Faça o seu comentário

Comentários (0)

Ainda não existem comentários a este artigo

Deixe os seus comentários

  1. A comentar como convidado. Registe-se ou faça login para aceder à sua conta.
0 Characters
Anexos (0 / 3)
Share Your Location