A análise SWOT e o processo de planeamento estratégico

Escrito por 
Resumidamente, a análise SWOT é a técnica que permite revelar os pontos fortes e fracos da empresa, e as oportunidades e ameaças do mercado.
Um requisito fundamental a ter em consideração antes de iniciar uma análise SWOT é clarificar que objectivos se pretendem alcançar. O que pode ser um ponto forte no contexto de um objectivo, pode ser um ponto fraco se a empresa persegue outro objectivo.

Considere, por exemplo, uma empresa que tem uma grande capacidade instalada de produção de um determinado produto. Se o grande objectivo estratégico da empresa passar por utilizar essa capacidade para entrar em novos mercados de potencial promissor, a grande capacidade da empresa é considerada uma força. Por outro lado, se a empresa prevê uma diminuição da procura dos seus produtos e procura uma solução para o problema, a capacidade instalada pode ser excessiva e constituir uma fraqueza grave.

Explicar a análise SWOT

SWOT significa Strengths, Weaknesses, Opportunities and Threats. Ou em português: Pontos Fortes, Pontos Fracos, Oportunidades e Ameaças. Os pontos fortes e fracos são internos à organização, enquanto as oportunidades e ameaças se referem à relação da empresa com o ambiente externo. A lista abaixo detalha melhor este conceito:

Pontos Fortes

  • Know-how patenteado de produção de um produto de grande procura;
  • Uma conhecida marca de confiança e
  • Contactos sólidos e frutuosos com um canal de distribuição que funcione bem;
  • Excelentes relações com grandes clientes;
  • Gestão competente.

Pontos Fracos

  • A falta de conhecimentos ou capacidades técnicas;
  • Produtos e empresa não são conhecidos no mercado;
  • Falta de canal de distribuição ou rede de comercialização eficiente;
  • Problemas de qualidade e muitas reclamações.

Oportunidades

  • Novas tecnologias oferecem a possibilidade de desenvolvimento de produtos inovadores;
  • Mudanças nas condições de mercado aumentam a procura de um produto da empresa;
  • Abolição de barreiras comerciais e abertura de novos mercados internacionais;
  • Um novo canal de distribuição (como a Internet) torna possível chegar a mercados de grande dimensão.

Ameaças

  • Evolução de novas tecnologias tornam os produtos da empresa relativamente caros;
  • Gostos do cliente alteram-se e reduzem a procura de um produto fabricado pela empresa;
  • Abolição das barreiras comerciais pode levar a inundação do mercado com produtos concorrentes estrangeiros;
  • Novos canais de distribuição tornam inviáveis os já estabelecidos.
Note-se que os mesmos factores podem ser oportunidades ou ameaças, dependendo da situação da empresa. Além disso, os pontos fracos podem ser simplesmente a ausência de pontos fortes relevantes.

A Matriz SWOT

As conclusões da análise SWOT são normalmente retratadas na forma de uma matriz com quatro quadrantes, representando as quatro categorias de forças, fraquezas, oportunidades e ameaças. Esta representação gráfica torna mais fácil retirar conclusões rápidas.

Um requisito essencial para o sucesso da análise SWOT consiste em tornar a análise estratégica num processo contínuo. Os resultados da análise SWOT obtidos num determinado momento devem ser conscientemente aplicados de forma a desenvolver um plano estratégico consistente ao longo do tempo. Isto pode passar por:

  • Focar a empresa numa oportunidade de alto potencial desenvolvendo os seus pontos fortes;
  • Desenvolver uma soluçao para ultrapassar as fraquezas que impedem a prosecução de oportunidades;
  • Decidir como utilizar as forças identificadas para minimizar a vulnerabilidade da empresa face às ameaças identificadas;
  • Desenvolver um plano, através de brainstorming por exemplo, para assegurar que as ameaças não prejudicam seriamente a empresa nem a maior vulnerabilidade de fraquezas.
As estratégias já existentes são revistas à luz dos resultados obtidos através da análise SWOT e as principais questões estratégicas são identificadas em função das suas conclusões. Eventuais lacunas têm de ser preenchidas e revisões feitas para melhorar a eficácia da empresa na prossecução dos seus objectivos estratégicos.

A análise PEST

A análise PEST representa as categorias típicas do ambiente externo que devem ser identificadas durante a análise de oportunidades e ameaças. Essas categorias referem-se ao ambiente:

Político: as intervenções governamentais que afectam objectivos das empresas, tais como os impostos sobre os lucros e despesa; e também a estabilidade política global.

Económico: factores como o crescimento do PIB, as taxas de juro e de câmbio que possam afectar as perspectivas de negócios e rentabilidade da empresa.

Sócio-cultural: a ética de trabalho, a distribuição etária da população e os níveis de saúde também podem ter impacto nas estratégias empresariais a adoptar.

Tecnológico: novas tecnologias, evolução das tecnologias e nível de I & D podem ter um sério impacto sobre as oportunidades que se apresentam à empresa, assim como às ameaças que poderá ter de enfrentar.

Além destas quatro categorias, poderíamos acrescentar mais duas:

Legal: problemas de conformidade com os diferentes tipos de leis, como leis laborais, leis de defesa do consumidor, legislação ambiental e as leis que regulam a concorrência podem também afectar os lucros da empresa.

Ambiente: padrões climáticos e cenários de mudança climática podem afectar os planos da empresa

Concentre-se apenas nos factores que são relevantes para a formulação estratégica da empresa. Mas analise cuidadosamente o impacto de cada um dos factores nos resultados da empresa.

A análise SWOT pode fornecer perpsepctivas valiosas sobre os fatores que afectam o potencial de sucesso de um projecto ou objectivo de negócio no contexto de uma empresa particular num ambiente particular. A análise vai destacar forças internas da empresa e fraquezas, e também as oportunidades e ameaças que existem no ambiente externo.

Nuno Nogueira

Nuno Nogueira é o criador do projeto portal-gestao.com. Tem 18 anos de experiência profissional. Trabalhou em Portugal, Dinamarca e Holanda nas áreas comercial, financeira e controlo de gestão.

Google

Website: www.portal-gestao.com